Escolas de Morden – Dia 3

Mais um dia em Morden, mais surpresas agradáveis. Nesse dia contarei nossa ida ao Daycare e escolas públicas de Morden.

Sempre acompanhadas por Linda e sua incrível boa vontade em nos explicar tudo, nos mínimos detalhes, chegou o dia de irmos ao daycare e nas Elementary, Mid e High Schools. Sempre com horário pré-agendado em todos os estabelecimentos, exatamente para não atrapalharmos a rotina de cada um deles.

Conhecemos o Daycare

No daycare, Pembina Valley Childcare Centre, fomos muito bem recebidas por sua Diretora, Shauna Richards. Ela nos explicou que não existem mais vagas para novas crianças, tendo no momento uma lista de espera em torno de 140 crianças. Falou sobre os esforços que estão fazendo já a alguns anos para a construção de um novo prédio para que a demanda seja atendida o mais rápido possível. Infelizmente, ainda não aconteceu e estão sem previsão alguma!

Observamos que as instalações do daycare eram muito bem organizadas e limpas. As crianças são separadas por faixa etária e para cada faixa existem salas construídas e decoradas de acordo com a necessidade delas. Shauna nos falou que eles tem o serviço de levar e pegar nas escolas, já que o daycare é horário integral. Dessa forma, os pais não tem se preocupam em fazer esse translado de ir e vir daycare – escola – daycare. 

Valores do Daycare

Valores do Daycare

Para maiores informações, visite o site Pembina Valley Childcare Centre.

Escolas de Morden

Visitar as escolas foi como voltar no tempo para mim. Não era minha primeira vez em uma escola norte americana, pois já tinha feito Senior year, último ano do High School nos EUA. Mas para Gaby, era sim sua primeira vez e ela estava encantada!! E como não se encantar com tamanho cuidado e capricho?

A primeira coisa que se percebe é o brilho do piso, sua limpeza. Realmente impressionante! Fomos em algumas salas de diferentes anos letivos e pudemos conversar com alguns professores. Podíamos sentir o prazer que eles tem ao falar do seu trabalho. 

Achamos interessante o fato das salas terem mesas e cadeiras distribuídas em diferentes layouts: círculos, lado a lado, mesas altas e baixas, etc. Fogem totalmente do padrão brasileiro, onde são apenas cadeiras enfileiradas uma atrás da outra. Lá eles tem o conceito de que o aluno aprende melhor da forma em que ele se sentir mais confortável. Não tem lugar marcado!Letreiros interessantes na parede estavam espalhados pelos corredores, como por exemplo

“Throw confetti like you throw kindness.” 

Muito curioso ver uma mesinha com um pote cheio de maçãs e um aviso logo acima

” Está com fome? Pegue apenas 1 maçã!” 

As escolas lá formam cidadãos para uma vida social saudável e com educação suficiente para um convívio coletivo. Não formam jovens para apenas passar no vestibular. Aulas para aprender a cozinhar, costurar, marcenaria, montar móveis, ter habilidade com ferramentas, etc são normais do dia a dia de meninos e meninas. 

No estacionamento da escola estavam muitas bicicletas estacionadas. Veículo muito comum para crianças de 6 anos ir e voltar para casa em segurança e com toda a tranquilidade do mundo. Pudemos ver várias voltando para casa seja de patinetes, a pé ou de bike. Mas todas com suas mochilas e pertences a olho nu, sem problema algum, como se fosse a coisa mais normal do mundo. E é. 

 

Para mais informações sobre o sistema educacional de Morden, visite Western School Division.

Será que algum dia nosso país atinge esse nível de maturidade em relação ao dinheiro público? Sem comentários.

About the Author:

Sou Tatiana Santos, 41 anos. Tenho paixão por tecnologia, animais e a língua inglesa. Quero usar esse blog para compartilhar com você nosso Plano Canadá! Dúvidas, deixe seu comentário ou mande um email.