Reunião com Shelly – Dia 2

Acordamos bem ansiosas nesse dia! Estava chegando o momento de conhecer pessoalmente a Shelly. Sobre o que seria essa reunião?

Dormimos igual pedras e o silêncio que Morden emite nos ajudou mais ainda! Tomamos nosso café da manhã em casa, o que se repetiu durante toda a semana. 

Perdeu o Dia 1 em Morden? Clique aqui.

Quanto ao almoço não posso dizer o mesmo pois quando você começa a ver tanta coisa diferente, parece que a lombriga da fome vira um dragão que ficou adormecido desde as tábuas dos 10 mandamentos kkkk.

Decidimos ir andando para podermos apreciar melhor o clima, a arquitetura das casas, o ar. Até os postes das esquinas eram cuidadosamente decorados com flores, dando um charme todo especial nas ruas!

Ruas de Morden

O comércio na sua maioria iniciava a atividades por volta das 9 – 9:30 am. Andamos tranquilas com nossos celulares e máquinas de fotografia expostos. Nos sentíamos seguras! 

O silêncio realmente nos chamou atenção. Não era algo que incomodava, muito pelo contrário. Nos trazia paz. 

Recepção da Shelly 

Chegamos no escritório onde a Shelly trabalha com 5 minutos de caminhada. A reconheci prontamente. Ela nos recebeu com seu sorriso gentil e simpatia! Entregamos a mesma sacolinha do Brasil com os mimos da nossa terrinha e expliquei um pouco sobre os doces rs Linda estava lá também e já foi logo dizendo que experimentou e aprovou todos!

Linda sempre educada, fez questão de explicar como usar a cafeteira que ficava disponível para todos que ali visitassem. Mostrou também um computador e impressora que serviria para fazermos alguma consulta na internet. Foi nele que fizemos nosso planejamento e apresentação do resultado das visitas que conseguimos fazer em empresas durante a semana.

Conhecendo outros povos

Logo em seguida chegaram 2 filipinas, Virginia e Sarah. O povo filipino é muito simpático e com elas não foi diferente! De cara já me trouxeram boas memórias de uma filipina que conheci durante meu intercâmbio na High School e até hoje é uma grande amiga. 

Elas ficaram hospedadas na casa dos pais de Shelly pois fomos em uma semana atípica: 7 candidatos na VE de uma só vez. Então, lugar temporário para ficar estava escasso.

Chegaram também uma indiana, a Reena e um ucraniano. Nem me atrevo a escrever o nome dele kkkk Mas pra facilitar, seria Dimitri. A Reena mora na Austrália, Melbourne já alguns anos e quer uma vida mais pacata no Canadá. No outro dia, chegou mais uma filipina que levou marido e uma filhinha de 3 anos. Eles moram em Dubai e foram para lá por melhores oportunidades de trabalho. Mesmo assim, Canadá é a opção deles também no momento.

Nossa turma durante a VE

A Reunião

Nos levaram para a sala de reuniões onde Shelly explicaria nosso roteiro e atividades da semana. Era também momento para tirar as dúvidas.

Shelly disse que poderíamos levar toda a documentação que preparamos do Brasil para ela analisar e vê se está tudo correto. Um dia antes da entrevista com o MPNP, ela devolveria tudo fazendo algumas observações e nos prepararia melhor. Depois falarei mais sobre isso.

Ela entregou pra gente o roteiro por escrito inclusive com a data e horário das entrevistas de cada um de nós em Winnipeg #TENSO .

Ela também nos explicou que ao visitar as empresas, deveríamos evitar aplicar diretamente para a vaga ou até mesmo pedir por um trabalho. As empresas locais foram orientadas a não oferecer emprego para quem estivesse na VE, devido a grande demora na liberação do visto de trabalho.

Nossas visitas se resumiriam apenas a tentarmos fazer uma breve apresentação nossa, explicar nosso perfil e pegar um cartão de visita, até mesmo um formulário de preenchimento de vaga da empresa, indicando que quando voltarmos definitivamente nosso perfil encaixaria como candidato em potencial para vaga. E foi desse jeitinho que fiz. Visitei umas 7 – 8 empresas durante a semana. 

Falou também que durante a semana teríamos uma tarde com o representante do “Sebrae” deles rsrs, para explicar como abrir um negócio na cidade, algo que eles incentivam muito.

Tudo durou cerca de 40 minutos e já fomos fazer nosso primeiro tour por Morden. Linda era nossa guia e fomos todos em uma van.

Tour de Morden

Linda dirigiu por alguns bairros mostrando vizinhanças, prédios como do Acess Event Centre que funciona como um centro de convenções, esportes, museu.

Demos uma passada pelo clube de golfe, lago, algumas empresas bem conhecidas na cidade como a Decor Cabinets, fábrica de armários para cozinha com 40 anos de vida e mais de 500 funcionários, uma unidade da 3M que fabrica aqueles adesivos redondos que usamos ao fazer algum exame, além de muitas empresas que trabalham com madeira, vidraçarias, soldagem. Área trade lá é muito forte!

Esse passeio na Van serviu para mostrar que Morden não era tão pequena quanto eu pensava, mas que tinha muita área para crescer. Vimos algumas obras em zonas comerciais e residenciais sinalizando que a cidade está se desenvolvendo.

Linda nos deixou no mesmo lugar de sempre, escritório da Shelly. Dalí fomos comer alguma coisa no Coffee Culture, point de encontro para muitos que fica no centro de Morden, na Stephen Street.

Lago Minnewasta

Decidimos pegar nosso carro e ir até o lago conhecer a praia e ver a natureza por lá mais de perto. Quando fomos com a Linda, não descemos do carro. Se em Morden já ouvimos o silêncio, no lago então… Nossa, parece que estávamos em outra dimensão rs Um ar tão puro de se respirar. Umas pessoas pescavam esportivamente devolvendo o peixe pro lago. Na água, alguém no jetski.

Várias árvores ao redor e barulho apenas dos esquilos que já estavam se preparando para chegada do outono/inverno. Só se via eles coletando alimentos e correndo para se esconderem.

Ficamos contemplando aquela paisagem, ainda sem acreditar que conseguimos chegar até aquela fase. Mais uma vez, lembramos Dele e agradecemos por essa chance. Estávamos tão felizes e gratas que não tínhamos mais nada a fazer além de admirar o final do dia com um lindo pôr do sol. 

Participe da Comunidade Plano Canadá!

About the Author:

Sou Tatiana Santos, 41 anos. Tenho paixão por tecnologia, animais e a língua inglesa. Quero usar esse blog para compartilhar com você nosso Plano Canadá! Dúvidas, deixe seu comentário ou mande um email.